segunda-feira, 17 de maio de 2010

TIPOS DE DOMINAÇÃO PSICOLÓGICA -DP

Existem várias técnicas e formas de se dominar uma pessoa ou grupo. Cada Dominadora tem o seu método e estilo de conduzir este processo. No entanto é fundamental conhecer bem a pessoa que se pretende submeter. É preciso compreender detalhadamente o comportamento, pensamentos e as reações inerentes a cada tipo de estimulo a que ela for submetida. Analisar e entender os efeitos da alegria, tristeza, euforia, medo, prazer e etc, na personalidade do dominado.

As técnicas utilizadas na dominação e os efeitos sobre cada indivíduo não podem ser comparadas entre si. Pois os efeitos são singulares e inerentes de cada indivíduo submetido. Uma técnica utilizada em uma pessoa provavelmente causará efeito diferente em outra. O resultado da técnica aplicada na dominação dependerá da maneira de ser de cada submisso. Nas relações D/s o sucesso ou não da dominação, dependerá da resposta que a pessoa submetida apresentar ao estimulo utilizado.

Teorias:

DOMINAÇÃO CONDIGNA -  Impõe-se um estimulo desagradável ou doloroso pelo não cumprimento de um ordenamento ou pela má execução do que foi designado. É o poder gerado por recompensa negativa advinda da não execução satisfatória do que se é esperado.

DOMINAÇÃO COMPENSATÓRIA – Estimula-se positivamente o indivíduo toda vez que este cumprir um ordenamento ou responder satisfatoriamente a um estímulo. É o poder inerente da expectativa do indivíduo de receber uma recompensa pelo cumprimento do ordenado.

DOMINAÇÃO CONDICIONANTE – Consegue-se uma resposta automática do indivíduo submetido para cada tipo de estímulo ou ordenamento. É o poder inerente do condicionamento de reflexos, alcançado através da repetição e da assimilação de uma reação automática para o estímulo.   
 
DOMINAÇÃO AFETIVA – Consegue-se que o indivíduo submetido execute os ordenamentos através de laços de afetividade. Estimulado por sentimento como amor, paixão, amizade, o sujeito executa o que lhe é designado na busca pelo estreitamento desses sentimentos.

DOMINAÇÃO DEPRECIATIVA – Estimula-se depreciativamente o indivíduo que está sendo submetido pelo não cumprimento de um ordenamento, pela má execução do que foi designado ou para diminuição da estima. É um poder resultante do esforço desse indivíduo em reverter os fatores depreciativos da estima ou humilhantes.

DOMINAÇÃO PRIVATIVA – Priva-se o indivíduo submetido dos seus objetos de desejo. Criando assim um poder inerente da expectativa do indivíduo de receber como recompensa o seu objeto de desejo pelo cumprimento do ordenado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário