terça-feira, 11 de maio de 2010

REGRAS DE COMPORTAMENTO

Olá a todos,

Com este texto minha intenção não é delimitar o comportamento ideal para um submisso e nem impor regras de etiqueta para o BDSM. No meu entendimento é a Dominadora quem deve determinar a maneira como deseja que seu submisso se comporte. Somente ela é quem tem a autoridade para definir as regras e é soberana na tomada de decisões em sua relação. Tendo em vista que seria impossível estipular regras que agradassem a todas e que contemplassem as necessidades individuais de cada relação, posto este texto apenas como uma sugestão. Acho que ele ficou interessante e com certeza servirá de inspiração para outras pessoas.

As regras

Para evitar decepção, da minha parte ou da sua, leia as seguintes regras e memorize as. Elas não só são consideradas uma cortesia comum, bem como a maneira correta de tratar sua Dona.

1.Você só irá me chamar de Senhora, Mestra, Deusa ou Rainha. Nunca me chamará de senhorita, por apelido e muito menos de você.

2.Seja sempre pontual em nossos compromissos. Se for se atrasar avise com antecedência. Eu decidirei se merece uma nova oportunidade. Se não cancelar com antecedência um compromisso, entenderei que não me respeita o mínimo necessário e que deseja não ter mais contato comigo. E assim o farei.

3.Esteja sempre limpo e vestido adequadamente. Não tolero submisso sujo e mal cheiroso.

4.Em público me cumprimente com um beijo na mão, em locais privados ajoelhe-se e beije meus pés.

5.Sempre que estiver comigo deverá me dar uma oferenda. Faça isso imediatamente depois de me cumprimentar. Seja com um presente, tributo ou mesmo um elogio.

6.Nunca venha para uma sessão portando ou sob efeito de drogas ou álcool. A sessão será cancelada e não teremos um novo contato.

7.Não assuma compromissos antes de ter certeza do que quer. Se estiver com alguma dúvida, pergunte antes sempre. Não tente direcionar a cena durante a sessão, isso irá desagradar-me imensamente. Nossa relação poderá terminar por esse tipo de comportamento.

8.Eu compreendo a sua necessidade em me agradar, mas quando eu fizer uma pergunta, responda honestamente, em vez de dizer o que você acha que eu quero ouvir. Diga sempre a verdade.

9.Nunca peça favores sexuais ou tente me assediar. Entenda que nossa relação é Dominadora/submisso. Caso eu tenha interesses sexuais, eu manifestarei essa vontade.

10.Paciência e educação são virtudes. Sempre as exercite.

BDSM muitas vezes tem uma natureza erótica e me considero muito sensual. Não interpretem isto mal, como um prelúdio ao sexo / prostituição. Sou uma Domme, e não uma prostituta. Eu não vou participar em qualquer forma de sexo, no entanto posso permitir que você chegue a um orgasmo administrado. Se o resultado final é apenas para sua satisfação sexual e não por causa do BDSM, então não sou o que você procura.

Saudações SM.